Ação da Força Nacional no Pará expõe tensão social na Amazônia

Ed Alves/CB/D.A Press Homens da Força Nacional embarcando em ônibus que os leva até o Pará
O envio de contingente da Força Nacional de Brasília para Novo Progresso (PA) expõe as dificuldades da atuação do poder público na Amazônia. Os 100 homens encontrarão no município, à beira da Rodovia BR-163, o resultado de uma política de ocupação causadora da tensão social que caracteriza o sul do Pará e que se repete em outros estados da Região Norte.
A abertura de estradas, como a BR-163 e a BR-230 (Transamazônica), resulta no desenvolvimento que nos mapas aparece como o desenho de uma espinha de peixe. A via principal deriva para estradas vicinais que rasgam a floresta,  inclusive, reservas indígenas. E com tratores e caminhões surgem madeireiros, grileiros, garimpeiros. Eles chegam bem antes do poder público e fazem a ocupação sem aval do estado.

Saiba mais

A Comissão Pastoral da Terra (CPT) registra que entre 2007 — ano seguinte ao início do asfaltamento da BR-163 — e 2016 aconteceram 2.257 casos de violência no Pará contra posseiros, sindicalistas, líderes de trabalhadores rurais, índios e quilombolas. No mesmo período, ocorreram 361 assassinatos no Brasil ligados a conflitos agrários. Desses, 102 foram no estado. Neste ano, de 48 mortes, 14 aconteceram no Pará.

Segurança

O efetivo da Força Nacional tem a missão de garantir a segurança de 22 agentes florestais do Ibama — a rotina de trabalho das equipes é reprimir o desmatamento ilegal, a exploração de madeira sem autorização e os garimpos irregulares. “Essa é uma região com muito bandido, uma parte do país onde o estado é sempre o último a chegar”, avalia Marcel Bursztyn, pós-doutor em Políticas Públicas do Centro de Desenvolvimento Sustentável da UnB.
O professor identifica contradição no papel que o poder público exerce na Amazônia. “As diferentes pastas que atuam na região não trabalham em sintonia, cada uma atira para um lado”, ressalta. Até o fechamento desta edição, o Correio não conseguiu resposta do Ministério da Justiça sobre o assunto.
Ação da Força Nacional no Pará expõe tensão social na Amazônia
Rate this post
Dez mil pessoas são evacuadas por novo incêndio no sul da França
Em 50 anos, espermatozoides de homens ocidentais caíram pela metade