Dove se desculpa por veicular propaganda que relaciona negros a sujeira

Twitter/Reprodução Foto com frames do vídeo divulgado pela Dove circularam nas redes sociais para exemplificar racismo em campanha
Londres, Reino Unido – A marca de cosméticos Dove, propriedade da gigante holandesa Unilever, pediu desculpas após a difusão on-line de um anúncio que ganhou muitas acusações de racismo. “Em uma imagem publicada esta semana, erramos ao representar as mulheres de cor, e lamentamos profundamente os danos causados”, declarou a marca em uma mensagem publicada nas redes sociais Facebook e Twitter.

Saiba mais

  • Trump faz discurso contra a imprensa e se defende de acusações de racismo

    Trump faz discurso contra a imprensa e se defende de acusações de racismo

  • Vídeo: garota negra de 9 anos emociona o mundo com discurso contra racismo

    Vídeo: garota negra de 9 anos emociona o mundo com discurso contra racismo

  • Grupo de combate ao racismo invade pista de aeroporto de Londres

    Grupo de combate ao racismo invade pista de aeroporto de Londres

Na propaganda em questão, um anúncio de três segundos para um sabão líquido, uma mulher negra tira uma camiseta marrom para revelar uma mulher branca, que remove sua camiseta e revela uma terceira mulher.

Leia mais notícias em Mundo
O vídeo, originalmente transmitido na página Facebook da Dove Estados Unidos e subsequentemente suprimido, foi amplamente denunciado pelos internautas em todo o mundo. “A propaganda da Dove é racista, irresponsável, insensível, desconectada, desagradável e deve receber o preço da cebola podre”, tuitou nesta segunda-feira @LebonaMoleli.
“Ser negro significa ser sujo e indesejável?”, postou @Social_Heretic, pedindo um boicote aos produtos Dove e Unilever. A hastag #BoycottDove era amplamente replicada na rede social na manhã desta segunda-feira.
Na Bolsa de Valores de Londres, às 07h30 GMT (4h30 de Brasília), o preço da ação da Unilever caia ligeiramente 0,39% em um mercado estável.Em 2013, uma marca de cosméticos da gigante Unilever teve que se desculpar após a polêmica criada por um concurso na Tailândia em torno de um produto para clareamento da pele.
Dove se desculpa por veicular propaganda que relaciona negros a sujeira
Rate this post
Trump revogará plano Obama sobre energia limpa, diz agência ambiental
Sancionada lei que pune clubes se torcedores cometerem racismo em estádios