Em primeiro discurso na Colômbia papa pede que jovens pratiquem o perdão

AFP

O papa Francisco pediu aos colombianos, nesta quinta-feira (7), que “fujam de qualquer tentação de vingança” no momento em que o país deixa para trás o último conflito armado da América Latina.
“Que este esforço nos faça fugir de qualquer tentação de vingança e de busca de interesses apenas particulares e de curto prazo”, disse o sumo pontífice, no primeiro discurso de sua visita à Colômbia.
“Atrevam-se a sonhar grande!”, pediu nesta quinta-feira o papa Francisco aos jovens em Bogotá, apelando também para sua capacidade de perdoar em um país dividido por décadas de conflito armado.
“Sua juventude também os torna capazes de algo muito difícil na vida: perdoar. Perdoar a quem nos feriu”, afirmou, ante uma multidão de jovens, falando do balcão do Palácio Cardinalício, junto à catedral de Bogotá.
Francisco, frequentemente interrompido pelos aplausos dos cerca de 22.000 jovens que desde muito cedo chegaram à praça, também pediu que não temam o futuro.
“Que suas ilusões e projetos oxigenem a Colômbia e a encham de utopias saudáveis”, afirmou Papa, insistindo ainda que “não se deixem roubar a alegria e a esperança”.
Antes de seu discurso, Francisco quebrou o protocolo em seu percurso a pé até o palácio, onde se recolheu em oração ante a Virgem de Chiquinquirá, e parou para tirar selfies, abraçar crianças e abençoar inúmeros fiéis.
Em primeiro discurso na Colômbia papa pede que jovens pratiquem o perdão
Rate this post
William leva o príncipe George para seu primeiro dia na escola
Faculdade lamenta morte de estudante de medicina em tragédia em Minas