Embarcação de imigrantes muda de rumo pelas más condições do mar

(foto: Kenny Karpov / SOS MEDITERRANEE / AFP)(foto: Kenny Karpov / SOS MEDITERRANEE / AFP)

Roma, Itália – A embarcação humanitária “Aquarius” e os dois navios italianos que o acompanham, com 629 imigrantes a bordo, mudaram de rumo, devido ao estado do mar, e navegam agora próximo à costa da Sardenha – informou a ONG SOS Mediterrâneo nesta quinta-feira (14/6).

“O ‘Dattilo’, barco da Guarda Costeira italiana que guia nosso comboio, decidiu mudar de itinerário. O ‘Aquarius’ navegará ao longo da costa leste da Sardenha para evitar o mau tempo e preservar os passageiros doentes e exaustos, de uma situação insustentável”, indicou no Twitter esta ONG francesa que fretou o “Aquarius”.
A ONG não disse se o comboio continua tendo o porto de Valencia (leste da Espanha) como destino. Este novo itinerário alargaria o trajeto previsto para chegar à cidade espanhola.
O comboio passaria, assim, perto da ilha francesa da Córsega, cujas autoridades locais haviam oferecido acolher esses imigrantes antes de a Espanha ter sido escolhida como destino.
O grupo foi socorrido no mar, frente à costa líbia, entre sábado e domingo, mas ficou parado a cerca de 30 milhas da costa maltesa pela rejeição de Itália e Malta a lhes abrir seus portos.
Parte deles foi transferida para os dois navios italianos que acompanham o “Aquarius”.
Embarcação de imigrantes muda de rumo pelas más condições do mar
Rate this post
Em "excelente estado de saúde", Donald Trump completa 72 anos
Deputada russa aconselha mulheres a não fazerem sexo com estrangeiros