Hillary afirma que não voltará a disputar eleições

Hillary Clinton, candidata democrata à presidência dos Estados Unidos derrotada em 2016, afirmou que não voltará a disputar uma eleição, e reconheceu que a vitória de Donald Trump “ainda é muito dolorosa”.
“Dói muito”, confessou Hillary, 69, durante uma longa entrevista concedida na manhã deste domingo ao canal CBS.
Esta foi a primeira de uma série de entrevistas para promover seu livro What Happened, em que descreve sua campanha, e que será lançado nos próximos dias. “Não serei mais candidata”, afirmou.
Se mantiver a palavra, isto marcaria o fim de uma longa carreira política, que a tornou, em 2016, a primeira mulher candidata à presidência americana por um partido grande.

Saiba mais

  • Livro de Hillary Clinton fala de sua repulsa visceral por Trump

    Livro de Hillary Clinton fala de sua repulsa visceral por Trump

  • Hillary Clinton relata tentativa de intimidação de Trump durante debate

    Hillary Clinton relata tentativa de intimidação de Trump durante debate

Sua carreira inclui oito anos como senadora por Nova York, quatro como secretária de Estado de Barack Obama e oito como primeira-dama, durante os dois mandatos de seu marido, Bill Clinton.
Hillary reconheceu o fracasso de sua estratégia de oferecer soluções para os eleitores aborrecidos, decepcionados ou marginalizados, que o multimilionário Donald Trump soube seduzir.
“Muitas pessoas não queriam ouvir meus projetos. Queriam que eu compartilhasse sua raiva. E eu deveria ter mostrado melhor que os compreendia”, comentou.
A ex-candidata acredita que seu maior erro foi ter usado um servidor de e-mails particular quando era secretária de Estado. Este erro lhe valeu uma série de ataques de adversários republicanos e uma investigação do FBI, que acabou sendo abandonada.
Hillary, às vezes vista como fria e calculista, confessou o vazio que sentiu após a derrota surpreendente que sofreu apesar de ter conquistado a maioria dos votos diretos dos eleitores.
“Eu apenas senti uma decepção enorme, uma espécie de perda de sentimento, direção e tristeza”, contou, acrescentando que, para se recuperar, fez caminhadas, dedicou-se a arrumar os armários e tomou doses de Chardonnay.
Hillary afirma que não voltará a disputar eleições
Rate this post
Brasileiro em Miami compara Irma a enchentes no Brasil: 'Vontade de vomitar
Vídeo: caçadores de tempestades se arriscam para filmar furacão Irma