Japão e China não detectaram radiações após teste nuclear norte-coreano

 South Korean Defence Ministry/ AFP

Tóquio, Japão – Japão e China não detectaram em seu meio ambiente substâncias radioativas procedentes do teste nuclear norte-coreano, indicaram nesta segunda-feira (4/9) de modo separado os dois governos. “Não detectamos nada em particular nos monitoramentos realizados no país”, afirmou Yoshihide Suga, porta-voz do governo japonês.

Saiba mais

A China chegou à mesma conclusão: “Os resultados de nossas observações mostraram que o teste nuclear da Coreia do Norte não teve impacto no meio ambiente de nossa nação, nem sobre a população”, afirmou o ministério chinês do Meio Ambiente.

Leia mais notícias em Mundo
O ministro japonês da Defesa, Itsunori Onodera, afirmou no domingo que aviões de detecção da Aeronáutica haviam iniciado uma operação para monitorar a situação, assim como várias agências. Os temores de disseminação de substâncias radioativas aumentaram após um segundo tremor registrado após o primeiro, correspondente à explosão, o que foi interpretado como a consequência de um “afundamento” de terra.
A explosão subterrânea foi o sexto teste nuclear do regime norte-coreano, em violação às resoluções da ONU que proíbem Pyongyang de executar testes nucleares e de mísseis.
Japão e China não detectaram radiações após teste nuclear norte-coreano
Rate this post
Justiça francesa vai se pronunciar amanhã sobre fotos de Kate em topless
PF prende quadrilha que enviava drogas para a Europa pelo porto de Santos