Kim se compromete com desnuclearização completa da península coreana

Kim também falou de um novo começou nas relações relações bilaterais(foto: AFP)Kim também falou de um novo começou nas relações relações bilaterais (foto: AFP)

Cingapura – O dirigente norte-coreano Kim Jong Un reiterou o compromisso de “desnuclearização completa da península coreana”, em um texto conjunto assinado nesta terça-feira (12/6) com Donald Trump durante uma reunião de cúpula histórica em Cingapura. Os dois dirigentes assinaram um documento que o americano chamou de “global” e o norte-coreano de “histórico”.
O documento não menciona a exigência americana de “desnuclearização completa, verificável e irreversível”, uma fórmula que significa o abandono das armas e a aceitação de inspeções, mas sim um compromisso anterior mais impreciso, segundo uma fotografia do texto a qual a AFP teve acesso.
Acordo assinado(foto: Saul Loeb/AFP)Acordo assinado (foto: Saul Loeb/AFP)

 

Kim também falou de um novo começou nas relações relações bilaterais. “Hoje tivemos uma reunião histórica e decidimos virar a página”, disse, antes de agradecer ao presidente americano por ter permitido o encontro. “O mundo assistirá a uma mudança importante”.
Trump se declarou disposto a convidar o líder norte-coreano para uma visita à Casa Branca. “Certamente”, respondeu, ao ser questionado sobre a possibilidade de um convite a Washington. “Vamos nos reunir com frequência”, declarou, em referência a Kim Jong Un, com quem afirmou ter estabelecido um “vínculo especial”.  
Kim se compromete com desnuclearização completa da península coreana
Rate this post
Argentinos se mobilizam para votação da Lei do Aborto
Trump diz que vai interromper as manobras militares com a Coreia do Sul