Londres mantém curiosa tradição de censo dos cisnes do rio Tâmisa

[embedded content]

São os funcionários da rainha os responsáveis por uma curiosa tradição em Londres, no Reino Unido. Eles fazem, todos os anos, há vários séculos, a contagem dos cisnes que habitam o rio Tâmisa. Além disso, esses trabalhadores avaliam a saúde dos animais, além de educarem as pessoas sobre a importância da preservação da espécie.
A contagem começou no século 12 quando a rainha se dizia dona de todos os cisnes mudos (Cygnus olor). Hoje, tudo é supervisionado pelos chamados marcadores da rainha. O censo das elegantes aves que inspiraram até um balé de Tchaikovsky ocorre sempre durante cinco dias na terceira semana de julho.
Segundo alguns dos “marcadores de cisnes”, a população destes animais diminuiu nos últimos anos. Muitos espécimes sofrem problemas como o vandalismo, além da pesca.
Com informações da France Presse
Londres mantém curiosa tradição de censo dos cisnes do rio Tâmisa
Rate this post
Violentos incêndios florestais atingem o sul da Europa
Presidente chinês quer alta de importações e investimentos estrangeiros