Madrasta de Isabella Nardoni recebe benefícios e regime semiaberto

Filipe Araújo/AE

 

Nesta segunda-feira (17/7), a Justiça de São Paulo concedeu a Anna Carolina Jatobá, condenada pela morte da enteada Isabella Nardoni, progressão de regime. Agora, ela poderá cumprir a pena em regime semiaberto, podendo deixar a penitenciária durante os dias para trabalhar, mas deve dormir na prisão. Além disso, tem direito a cinco saídas temporárias por ano, os famosos saídões.
Depois que a decisão for notificada para a Secretaria de Administração Presidiária, Jatobá deve ser transferida para outra ala, que também abriga Suzane von Richtofen.
A decisão foi da juíza Sueli Zeraik, da 1ª Vara de Execuções Criminais de Taubaté (SP). Anna Carolina Jatobá está na Penitenciária Feminina de Tremembé, São Paulo, desde 2008. O pedido de progressão para o semiaberto foi registrado em abril deste ano, sob alegações de cumprimento de tempo mínimo do regime fechado e bom comportamento.

O caso Isabella Nardoni

Saiba mais

Anna Carolina Jatobá foi condenada em 2010, junto com o marido Alexandre Nardoni, por asfixiar e jogar pela janela Isabella Nardoni, filha de Alexandre. A defesa do casou alegou que a criança de cinco anos teria sido morta por um assaltante.

Madrasta de Isabella Nardoni recebe benefícios e regime semiaberto
Rate this post
Trump ameaça Venezuela com fortes medidas econômicas
Brasil pede à Venezuela que cancele Constituinte