Mais de 47 mil pessoas são evacuadas no Vietnã por conta do tufão Doksuri

Hoang Oang Dinh Nam / AFP A região central do Vietnã é afetada frequentemente por fortes tempestades tropicais, que geralmente acontecem entre os meses de maio e outubro

As autoridades do Vietnã evacuaram cerca de 47 mil pessoas da região central do país, diante da chegada, prevista para esta sexta-feira (15/9), do tufão Doksuri, com rajadas de vento de até 155km/h. A informação é da Agência EFE. Milhares de moradores da província Ha Tinh deixaram suas casas após o alerta do Departamento para Controle de Desastres locais e se esperam mais evacuações, hoje, em outras três regiões centrais.

Também estão proibidas a saída de barcos de pesca nas áreas em risco e apontaram que 250 mil soldados, ao lado de uma frota de navios e veículos, estão preparados para ajudar nos trabalhos de resgate. O Doksuri, de categoria quatro (sobre um máximo de cinco), chegará ao território vietnamita com fortes ventos e chuvas, diz o jornal local Tuoi Tre.
Leia mais notícias em Mundo
O tufão, que pegou força após cruzar Filipinas como uma tempestade tropical (batizada de Maring), e deixou no arquipélago filipino com quatro mortos e 18 desaparecidos, além de inundações e danos materiais. O vice-primeiro-ministro, Trinh Dinh Dung, declarou ontem que o tufão pode ser o pior fenômeno natural deste tipo a atingir o país nos últimos dez anos.
Durante este ano, pelo menos 140 pessoas morreram ou desapareceram por conta de desastres naturais, diz os números oficiais. A região central do Vietnã é afetada frequentemente por fortes tempestades tropicais, que geralmente acontecem entre os meses de maio e outubro.
Mais de 47 mil pessoas são evacuadas no Vietnã por conta do tufão Doksuri
Rate this post
Rio tem esquema especial para receber turistas durante o Rock in Rio
Sobe para 22 o número de feridos em atentado no metrô de Londres