Porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer, anuncia sua renúncia

Olivier Douliery/AFP O secretário de imprensa da Casa Branca, Sean Spicer

O porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer, apresentou nesta sexta-feira (21/7) sua demissão, em desacordo com a decisão do presidente Donald Trump de nomear um novo chefe de comunicações, segundo a imprensa local.

Leia mais notícias em Mundo
Spicer, de 45 anos, se tornou uma figura notória pelo espírito agressivo com que defendeu as decisões do governo. 
Segundo a imprensa, decidiu dar esse passo ante o anúncio de Anthony Scaramucci será o novo chefe de comunicações da Casa Branca.
Trump nomeou o novo diretor numa tentativa de recuperar a imagem pública de sua gestão, mas sua decisão acabou gerando uma nova crise.
Scaramucci, 53 anos, é um executivo de um fundo de investimentos, informou uma fonte da Casa Branca.
Por ora, a presidência não emitiu um comunicado oficial sobre a nomeação.
Scaramucci fo visto pela manhã desta sexta na sede presidencial.
O posto estava vago desde maio, quando Michael Dubke entregou sua carta de demissão por motivos pessoais.
Desde a saída de Dubke, Spicer assumiu interinamente suas funções.
Na estrutura da Casa Branca, o gabinete de Scaramucci é que elabora a estratégia de comunicações da presidência, apesar de o porta-voz ser o rosto visível encarregado de aplicar essa linha de contato com a imprensa.

Porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer, anuncia sua renúncia
Rate this post
Mercosul pede para Venezuela dialogar e respeitar a democracia
Papa Francisco doa 25 mil euros para o combate à fome na África