Rússia destrói hoje suas últimas armas químicas, anuncia Putin

Michael Klimentyev / AFP / Sputnik

Moscou, Rússia – O presidente Vladimir Putin anunciou que a Rússia destruirá, nesta quarta-feira (27/9), suas últimas reservas de armas químicas, herdadas da época da Guerra Fria.

“Hoje, as últimas reservas de armas químicas do arsenal russo serão destruídas”, declarou Putin, de acordo com as agências de notícias russas, acrescentando que os Estados Unidos “infelizmente, não cumprem suas obrigações” na matéria.
Leia mais notícias em Mundo
A Organização para Proibição de Armas Químicas (Opaq) comemorou o anúncio e felicitou a Rússia. “O encerramento do programa de destruição verificada das armas químicas da Rússia é uma etapa importante, visando a atingir as metas da Convenção sobre Armas Químicas”, declarou o diretor-geral da Opaq, Ahmet Üzümcü, em um comunicado, mencionando quase 40.000 toneladas de armas químicas.
Rússia destrói hoje suas últimas armas químicas, anuncia Putin
Rate this post
Republicanos rejeitam candidato de Trump em primária no Alabama
ONU garante alimentos para rohingyas em Bangladesh até novembro