Theresa May propõe dois anos de transição após o Brexit

Tolga Akmen / AFP

A primeira-ministra britânica, Theresa May, defendeu nesta sexta-feira (22/9) um período de dois anos de transição após a saída do Reino Unido da União Europeia, durante um discurso solene em Florença, na Itália.

Saiba mais

Durante este período, as relações entre o seu país e a UE permaneceriam intactas, a fim de assegurar uma saída “tranquila e ordenada”.

Ela ressaltou que o sucesso das negociações sobre o Brexit “é do interesse de todos”.

“Nós atravessamos um período crítico, mas quando nos unimos, podemos alcançar bons resultados”, disse May, ressaltando seu desejo de atingir um “futuro melhor” para todos os cidadãos europeus.

Neste sentido, May indicou que deseja que a Justiça britânica leve em conta as decisões do Tribunal de Justiça da União Europeia (TJUE) a respeito dos cidadãos europeus no Reino Unido.

Leia mais notícias em Mundo

“Quero que os tribunais de justiça britânicos sejam capazes de levar em conta as decisões do Tribunal de Justiça europeu”, declarou.

Theresa May propõe dois anos de transição após o Brexit
Rate this post
Troca de tiros na Rocinha provoca fechamento de via na zona sul do Rio
Macron adota polêmica reforma trabalhista na França apesar de protestos