Trump ameaça retirar forças federais da Califórnia

(foto: Manel Ngan/ AFP )(foto: Manel Ngan/ AFP )


Washington, Estados Unidos –
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ameaçou nesta quinta-feira (22/2) retirar as tropas federais da Califórnia, estado mais povoado e rico do país, por sua negativa em cooperar com a identificação e prisão de imigrantes em situação ilegal.

Durante uma reunião na Casa Branca para discutir a violência nas escolas do país, Trump disse que a situação na Califórnia é uma “desgraça” e que está “pensando” na ideia de remover as forças federais desse estado.
Caso essas forças federais se retirem da Califórnia, “em dois meses estarão pedindo para que voltemos. Estarão implorando. Sabem de uma coisa? Estou pensando em fazer isso”, declarou o presidente. “A situação das ‘cidades-santuário’ é uma desgraça, a proteção desses criminosos terríveis”, disse o presidente americano.
Trump sugeriu na reunião que o foco de sua irritação é que, por sua condição de território que não coopera com as autoridades migratórias, a Califórnia não representa uma ajuda na luta contra as gangues, em especial a Mara Salvatrucha (MS13).
“Não temos nenhuma ajuda da Califórnia”, assinalou, acrescentando que, “francamente, se eu quisesse retirar nossa equipe da Califórnia, teriam um caos de criminalidade nunca antes visto”. “Tudo o que eu teria que fazer é dizer ao ICE (Serviço Migratório) e à Patrulha da Fronteira ‘deixem a Califórnia em paz’, e serão inundados (por imigrantes), verão criminalidade como jamais viram antes nesse país”.
Mais tarde, um porta-voz da Casa Branca, Raj Shah, disse à imprensa que a Califórnia “deveria aplicar as leis migratórias ao invés de se opor a sua aplicação”. Na opinião de Shah, as “cidades-santuário estimulam mais imigração ilegal” e, por isso, “o presidente expressou sua preocupação”.
Trump ameaça retirar forças federais da Califórnia
Rate this post
Justiça francesa mantém preso acadêmico islâmico acusado de estupro
Um dia após temporal atingir o Rio, Crivella ironiza: "Balsa família"