Trump flexibiliza restrições para acelerar ajuda a Porto Rico

Mandel Ngan / AFP

Washington, Estados Unidos – O presidente americano, Donald Trump, flexibilizou as restrições em termos de transporte marítimo para acelerar a ajuda a Porto Rico, território americano devastado na semana passada pelo furacão Maria e com dificuldades para receber ajuda, anunciou a Casa Branca nesta quinta-feira (28/9).

“Isto entrará em vigor imediatamente”, afirmou à AFP Sarah Huckabee Sanders, porta-voz da presidência americana.

Saiba mais

As restrições são parte de uma lei de quase um século, que exige que as mercadorias transportadas entre portos americanos circulem em navios americanos explorados por um operador americano. O objetivo da norma era impedir que embarcações com bandeira estrangeira levassem ajuda a território americano. 

Leia mais notícias em Mundo
Donald Trump visitará Porto Rico na próxima terça-feira, em uma tentativa de reduzir as críticas sobre a lentidão da ajuda do governo à ilha devastada.
O presidente é acusado sobretudo de considerar os 3,4 milhões de habitantes da ilha como cidadãos de segunda categoria. Os porto-riquenhos têm cidadania americana, mas não direito a voto voto. Os críticos recordam que a ajuda federal chegou mais rápido aos estados do Texas e Flórida, afetados respectivamente pelos furacões Harvey e Irma no fim de agosto e início de setembro.
Uma semana depois da passagem do furacão Maria, a ajuda chega de modo muito lento à ilha, que tem problemas de abastecimento de água potável, energia elétrica e gasolina. As operações de limpeza também enfrentam lentidão. Longas filas são formadas diante das lojas, onde água, combustível e gelo estão racionados.
Trump flexibiliza restrições para acelerar ajuda a Porto Rico
Rate this post
Comando diz que é indevido o uso de máscara de caveira por militares
Maria se transforma de novo em furacão enquanto se afasta da costa dos EUA