Ferrari é roubada após manobrista entregar chave para dono errado

Divulgação/Ferrari O carro foi encontrado algumas horas depois
Um advogado de 73 anos está processando um hotel na Flórida após o carro dele, do modelo Ferrari Italia Spider, ano 2014, ser roubado “sem o menor esforço” por um jovem que queria impressionar uma mulher.
James Fowler foi a um evento no hotel e deixou o veículo, que custa cerca de US$ 300 mil (R$ 950 mil), estacionado por 12 horas. Quando voltou para pegá-lo, descobriu que ele fora entregue pelo manobrista a outra pessoa. O homem que recebeu o veículo era Levi Miles, de 28 anos. Ele disse ao manobrista que precisava da chave do veículo e tinha esquecido o bilhete do estacionamento dentro do carro, mas que voltaria para entregá-lo.
O carro foi encontrado algumas horas depois, quando a polícia parou Miles porque ele estava com faróis apagados. A princípio, ele afirmou que aquele carro era dele, mas logo contou a verdade à polícia. “Eu só estava tentando impressionar a garota que tinha acabado de conhecer”, explicou o rapaz, em depoimento à polícia, segundo o canal norte-americano Fox News.
Ele negou, porém, que tivesse roubado o carro, já que o manobrista entregou as chaves sem titubear e ele planejava devolver o veículo. Como a polícia encontrou cocaína e maconha com o jovem e a mulher que o acompanhava, eles devem responder judicialmente. O manobrista alegou que “parou de prestar atenção ao rapaz quando percebeu que não ganharia gorjeta”. O hotel não se pronunciou sobre o caso.
Via Curiosamente
Ferrari é roubada após manobrista entregar chave para dono errado
Rate this post
Sobrevivente de queda do Globocop apresenta melhora no quadro clínico
Disque Denúncia do RJ faz campanha contra maus-tratos a macacos