Merkel e Macron chegam a Davos à espera de Trump

Fabrice Coffrini/AFP

A chanceler alemã, Angela Merkel, e o presidente francês, Emmanuel Macron, defendem nesta quarta-feira (24/1), em Davos, os valores europeus e a globalização, frente às posições de Donald Trump, que chegará nesta quinta.
Merkel afirmou que “o protecionismo não é a melhor solução” para os problemas do mundo”. “Se achamos que as coisas não são justas, que os mecanismos não são recíprocos, então temos que encontrar soluções multilaterais, e não unilaterais”, disse a chanceler no Fórum Econômico Mundial (WEF). 
Nesta quarta, o presidente francês Emmanuel Macron também chegou à estação de esqui suíça, onde vai apresentar as reformas de seu governo. 
“A França está de volta no coração da Europa”, garantiu Macron, em inglês, num discurso aguardado no qual confirmou a continuidade das reformas e disse não ter medo de se arriscar. 
Já Merkel elogiou o multilateralismo comercial e a cooperação internacional diante do aquecimento climático, um dos princípios que Washington costuma atacar. 
“O populismo é um veneno, disse a chefe do governo alemão, que preciso escapar das árduas negociações para formar uma coalizão de governo. 
Klaus Schwab, fundador do WEF, que anualmente reúne a elite econômica e política, falou várias vezes nos “tempos difíceis” atravessados pela chanceler em casa. 
Merkel e Macron chegam a Davos à espera de Trump
Rate this post
Assaltantes obrigam refém a transmitir assalto ao vivo pelo Facebook
Nassar é condenado e pode pegar até 175 anos de prisão por abusos sexuais