Rato que toma banho: vídeo fofo ou episódio de maus-tratos a um animal?

YouTube/Rerodução Cena do vídeo: roedores só se comportam assim quando estão incomodados com algo, avisa especialista
Você muito provavelmente viu “o vídeo do rato que toma banho”. Postadas no YouTube por um internauta peruano chamado Jose Correa, as imagens viralizaram na segunda-feira (29/1), sendo reproduzidas por milhares de pessoas, a grande maioria encantada com o bichinho que, além de ser asseado, parece acreditar que é gente, uma vez que fica em postura ereta, sobre as duas patas traseiras. (Re)veja:
[embedded content]

Um dia depois de se tornar viral, o vídeo começa a ser analisado por especialistas. E as primeiras notícias são desalentadoras. Em primeiro lugar, porque não é um “rato especial” que aparece na filmagem, mas um roedor que costuma ficar naquela posição com facilidade, devido à sua estrutura. Em segundo — e essa é a pior parte —, porque o bichinho está provavelmente sofrendo, talvez até sentindo dor. 
Ouvido pelo site da revista norte-americana Newsweek, o biólogo evolucionista Dallas Krentzel disse que o animal parece ser um pacarana, roedor encontrado em diversos países da América do Sul, inclusive no Brasil, e cujo nome científico é Dinomys branickii. 
“Com cabeça grande, bipedalismo (capacidade de se apoiar sobre os dois pés), antebraços flexíveis, cauda curta e cor dos pelos consistente, esse animal se ajusta à identidade do pacarana”, disse Krentzel, que é pesquisador da Universidade de Chicago no Field Museum. “Não há outro roedor que se encaixaria nessa descrição, e o fato de o vídeo ter sido feito no Peru, onde pacaranas são comuns, praticamente fecha a questão, acrescentou.
Benjamin Frable/Wikimedia Um exemplar de pacarana (Dinomys branickii) fotografado no Peru, mesmo país onde foi feito o vídeo que se tornou viral

 

“Ele quer se livrar de tanto sabão” 

Já a hipótese de que o animal mostrado no vídeo está sofrendo foi levantada pelo biólogo Tuomas Aivelo, da Universidade de Helsinque, na Finlândia. “Um roedor não faria isso a não ser que houvesse alguma coisa nele da qual ele desejasse muito se livrar. Eu acho que pode ser a espuma, acho que esse é o problema dele. Ele quer apenas se livrar de tanto sabão”, analisou Aivelo ao site Gizmodo, sem descartar a possibilidade de o bicho estar sentindo dor.
Ouvido pelo mesmo site, o especialista em roedores Jason Munshi-South, da Universidade Fordham, em Nova York, acha que, provavelmente, alguém jogou algum produto de limpeza sobre o bicho. “Ou ele foi treinado para agir dessa forma. Porvavelmente por ser o bicho de estimação de alguém. Difícil saber sem mais informações, comentou.
Rato que toma banho: vídeo fofo ou episódio de maus-tratos a um animal?
Rate this post
Justiça manda recolher passaporte de homem que atropelou pedestres no RJ
Governo venezuelano e oposição retomam diálogo sob tensão por eleições